domingo, 18 de março de 2012

ATIVIDADE - 2

                         Maria de Lourdes Xavier                                                                                  

Entre muitos pensadores da Educação, gostaria de destacar VYGOTSKY.
 A parte mais conhecida da extensão obra produzida por Vygotsky o tema da criação da cultura. Aos educadores interessa em particular os estudos sobre desenvolvimento intelectual. Ele atribui o papel predominante às relações sociais nesse processo, tanto que corrente pedagógica que se originou de seu pensamento é chamada de socioconstrutivismo ou sociointeracionismo.
Tido aprendizado é necessariamente mediado- e isso se torna o papel do ensino e do professor mais ativo e determinado do que o previsto por Piaget e outros pensadores da educação, para quem cabe à escola facilita um processo que só pode ser conduzido pelo próprio aluno. Segundo Vygotsky, ao contrário, do primeiro contato da criança com novas atividades, habilidades ou informações deve ter a participação de um adulto. Ao internalizar um procedimento, a criança “se apropria” dele, tornando-o voluntário e independente.
Desse modo, o aprendizado não se subordina totalmente ao desenvolvimento das estruturas intelectuais da criança, mas se alimenta do outro, provocando saltos de nível de conhecimento. O ensino para Vygotsky, deve se antecipar ao que o aluno ainda não sabe nem é capaz de aprender sozinho, porque, na relação entre aprendizado e desenvolvimento, o primeiro vem antes. É isso que se refere um de seus principais conceitos, o de zona de desenvolvimento proximal. Que seria a distância entre o desenvolvimento real de uma criança e que tem o potencial de aprender- potencial que é demostrado pela capacidade de desenvolver uma competência com a ajuda de um adulto. Em outras palavras, a zona de desenvolvimento proximal é o caminho entre o que a criança consegue fazer  sozinha e o que ela está perto de conseguir fazer sozinha. Saber identificar essas duas capacidades e trab alhar o percurso de cada aluno entre ambas são as duas principais habilidades que um professor precisa ter, segundo Vygotsky. Como Piaget, Vygotsky não formulou uma teoria pedagógica, embora o pensamento do psicólogo bielo-russo, com Sua ênfase no aprendizado, ressalte a importância da instituição escolar na formação do conhecimento. Para ele, a intervenção pedagógica provoca avanços que não ocorriam espontaneamente.  Ao formular o conceito de zona proximal, Vygotsky mostrou que o bom ensino é aquele que estimula a criança a atingir um nível de compreensão e habilidade. Que ainda não domina completamente. Ensinar o que a criança já sabe desmotiva o aluno e ir além de sua capacidade é inútil. Para o pensador, é apresentar ás crianças  formas de pensamento, não sem antes detectar que condições elas têm de absorvê-las. É esse o cuidado que nós professores devemos ter, procurar conhecer melhor o aluno desde o primeiro contato, através de observação, de uma conversa, dando oportunidade de se expressar suas ideias e apresentar desafios a partir. do seu interesse

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Atividade 4-1





Enviada em Oct 22 2011 11:14:08:000AM


Ativ . 4.1 –  Conhecen do  Objetos Multimídia
 Cursista  Maria de Lourdes
   
    Podemos observar o poder da tecnologia associado ao ser criativo ,pode se construir coisas   fantásticas .
    O uso do computador nas mais diferentes mídias já é praticamente universal em todos  os canais  de comunicação  tecnológicas digitais,  possibilita  maneiras de criação.
   Com relação ao vídeo do Japones Takagi  ele utiliza formas geométricas e as animas intercalando essas formas com filmagem editadas e trabalhadas no seu computador tanto a musica como a imagem  dialogam de modo muito  especial .

Atividade 4-5

PROJETO DE MULTIMÍDIA

video

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Atividade 4-4 Planejando a produção de um documento multimídia


ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE
PREFEITURA MUNICIPAL DE BODÓ
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA
CNPJ 01.612.374/0001-20
Fone: 084 3439-0012 Fax: 084 3439-0043
E-mail:  educacao.bodo@hotmail.com 


PROJETO

REUNIÕES ADMINISTRATIVAS E A PRÁTICA REFLEXIVA



                         Componentes: Alesandra Dantas de Brito
                                                 Maria de Lourdes Xavier

                                                         Lucicardia Kelly de Medeiros





JUSTIFICATIVA

A Secretaria de educação responsável pelo planejamento, a coordenação e a execução da política municipal de educação além da oferta de educação pública, gratuita e de qualidade nos níveis e modalidades de competência municipal, segundo as necessidades dos cidadãos e a capacidade do município, por esse motivo elaboramos o Projeto “Reuniões administrativas e a pratica reflexiva” como proposta da secretaria da educação que vem procurando se encontrar em reuniões administrativas em todas as suas escolas urbanas e Rurais para fazer uma reflexão sobre a educação em sentido amplo, dando ênfase especial para a questão das dificuldades encontradas pelos professores para trabalhar com alunado.  No bojo dessa experiência o que se quer é compartilhar as nossas experiências com outros educadores e alargar as fronteiras dessa convivência, visando construir junto um itinerário pedagógico que possibilite olhar a escola, a sala-de-aula e a sociedade com "outros olhos". Queremos contribuir com a mudança do "mundo" a partir da escola e a "escola" a partir de cada um de nós, começando pelo mundo-do-meu-eu e, num segundo momento, caminhar para o mundo-do-nós.
    De forma que a proposta em curso se destina a todas as pessoas envolvidas com o campo educativo que queiram pensar a prática pedagógica numa perspectiva de mudança, tendo como condição a abertura para o diálogo e as novas propostas. No âmbito desse enfoque o que se quer é desenvolver e programar um trabalho pedagógico, tendo como premissa a parceria com os mais diferentes atores sociais que perpassam os variados níveis do processo de escolarização e educação na sociedade.
    Trata-se, portanto, da perspectiva de um trabalho unitário, respeitando-se a diversidade, visando à superação da fragmentação do conhecimento e das experiências. Nesse percurso busca na perspectiva da prática pedagógica individual, mas também cooperativa e solidária, tendo como princípio orientador a dimensão afetiva, o caminho para superar os entraves pessoais e coletivos que vão se acumulando no decorrer da vida. De modo que nesse primeiro momento o que se valoriza é a reflexão na e sobre a ação pedagógica que cada um desenvolve em sua vida cotidiana e profissional, visando dar um colorido maior a aquilo que vem sendo desenvolvido, valorizando o educador enquanto ator social da educação.




 OBJETIVO GERAL

  •   Questionar a realidade formulando-se problemas e tratando de resolvê-los juntamente com a equipe escolar utilizando para isso o pensamento lógico, a criatividade, a intuição, a capacidade de análise crítica, selecionando procedimentos e verificando sua adequação.



                      OBJETIVOS ESPECIFICOS


  •  Proporcionar aos professores ferramentas de educação que venham contribui no processo de ensino aprendizagem.

  • Proporcionar por meios de atividades interativas a melhoria do ambiente escolar. 
  • Fortalecer valores e atitudes a fim de permitir o desenvolvimento global do ser humano proporcionando ferramentas de aprendizagem adequada e motivadoras.

  •   Avaliar junto com diretores, coordenadores pedagógicos, professores e pessoal de apoio o desenvolvimento da clientela.


METODOLOGIA


As reuniões foram realizadas em todas as escolas do município de Bodó/RN, com a equipe da secretaria de educação, do corpo docente das escolas e de suas respectivas direções. Iniciando-se com uma mensagem de motivação que tem como titulo “FALECEU ONTEM A PESSOA QUE ATRAPALHAVA SUA VIDA” a qual tem como principal objetivo mostrar que o mundo é como um espelho que devolve a cada pessoa o reflexo de seus próprios pensamentos e seus atos. A maneira como você encara a vida é que faz toda a diferença. A vida muda quando você decide mudar. Seguindo-se de debates e busca de soluções para os problemas encontrados.



PUBLICO ALVO


  • Equipe da Secretaria municipal de Educação

  •  Diretores e Vice – diretores

  • Coordenadores pedagógicos

  • Professores

  •   ASG


CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO

18 de Agosto de 2011 – Instituição Creche e Pré escola “Tia Neuman”
27 de Setembro de 2011 – Escola municipal José Maria do Nascimento
05 de outubro de 2011 – Centro Municipal de Ensino Rural
06 de outubro de 2011 – Escola Municipal Manoel Catarino Filho

AVALIAÇÃO


Após o termino das reuniões administrativas nas entidades a equipe da Secretaria fez analise e buscou solucionar junto a outras secretarias os problemas mencionados para que possamos oferecer dentro da medida do possível uma educação de qualidade.

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Atividade 4-3 Relato da experiência de uso da mídia na educação

As mídias na educação

         Essas tecnologias, a exemplo, da internet, facilitam a vida das pessoas, as relações interpessoais são ajustadas e consequentemente possibilita a integração entre indivíduos de diferentes grupos étnicos, sociais e culturais e de níveis diferentes de escolaridade.
         Dentro desse contexto do mundo das tecnologias de comunicação, outro campo da aprendizagem social tem sido bastante favorecido com a utilização dos meios tecnológicos informacionais: a educação.       Através dos meios tecnológicos, os professores de diferentes escolas de distintas regiões do país, ao incorporá-los em seus projetos políticos pedagógicos, como recursos para a produção das aulas, acabam viabilizando uma interação do alunado com a modernidade evidenciada na contemporaneidade.

      Ao adotar as novas tecnologias de informação e comunicação como suporte pedagógico, os educadores provocam mais o interesse dos alunos pelo conteúdo abordado em sala de aula e possibilita que eles possam se sentir em sintonia com o contexto da modernidade. Além disso, os professores podem ter seus trabalhos desenvolvidos em sala aula, ou mesmo em aula de campo, reconhecidos por outras pessoas, através de publicações em mídias e de alcance em massa.
             O uso das tecnologias de informação e comunicação tornou-se uma necessidade no mundo em que vivemos. A conjuntura atual da sociedade não mais tem condições de conviver em harmonia sem as praticidades criadas pelas diferentes aplicabilidades dos meios de comunicação, que facilita as relações sociais e possibilita a proliferação do conhecimento.
                     O meio mais eficaz para a educação brasileira acompanhar a modernidade propagada pelas novas   tecnologias, é    a  introdução destas nas atividades educacionais. As mídia quando está a serviço da educação proporciona muito mais do que transmissão de conhecimentos. O uso dos meios na escola pode ter uma infinidade de funções. Eles podem ser utilizados na proposta pedagógica da escola, como recursos para os procedimentos metodológicos. Além disso, o que se vê ultimamente é que a mídia, principalmente a televisiva, a eletrônica e a impressa, tem se destacado na divulgação de ações desenvolvidas por professores de diferentes regiões do país.